Em reforma tributaria, Bolsonaro fica chateado com Tarcísio

Notícias Políticas

Bolsonaro ‘chateado’ com Tarcísio por apoiar reforma tributária: clima acalorado em reunião no PL

Durante uma reunião na sede do PL, em Brasília, o ex-presidente Jair Bolsonaro expressou clara irritação e assumiu estar “chateado” com o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas. O motivo da discordância é o apoio de Tarcísio à proposta de reforma tributária que será votada na Câmara dos Deputados. Imagens do encontro circularam nas redes sociais, revelando um clima acalorado entre os presentes.

Fonte: Globo

Além de Bolsonaro e Tarcísio, estiveram presentes o presidente nacional do partido, Valdemar Costa Neto, a esposa de Bolsonaro, Michelle Bolsonaro, deputados e senadores. Antes do encontro amplo, Bolsonaro e Tarcísio tiveram uma reunião a portas fechadas, sem a interferência de Valdemar.

Informações internas do partido indicam que Bolsonaro está firmemente decidido a fazer com que o PL feche questão contra a reforma tributária. Isso significa que os parlamentares teriam que declarar voto contrário à pauta, ou poderiam sofrer alguma punição. No entanto, Valdemar é contra essa ideia e defende uma orientação contrária à reforma, permitindo que os parlamentares registrem seus votos de acordo com sua própria decisão. O líder do partido na Câmara, deputado Altineu Côrtes, apoia essa abordagem mais flexível.

Fonte: Wiki

Bolsonaro irritado com Tarcísio por apoio à reforma tributária e encontro com Haddad

A irritação de Jair Bolsonaro aumentou após a circulação de imagens que mostram o governador Tarcísio de Freitas ao lado do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmando que São Paulo será “parceiro” na reforma tributária e concordando com 95% do texto, com algumas ressalvas. Vale ressaltar que Haddad faz parte do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que Bolsonaro considera seu adversário direto.

As imagens vazadas revelam Tarcísio tentando justificar sua posição, argumentando que a direita não pode perder a narrativa de ser favorável a uma reforma tributária. Ele ressalta a importância de construir um bom texto para evitar que a aprovação da reforma seja atribuída a outros grupos políticos.

Essas declarações e o encontro de Tarcísio com Haddad têm intensificado as tensões entre Bolsonaro e o governador de São Paulo, acrescentando mais um elemento à já conturbada relação entre eles.